terça-feira, 11 de agosto de 2009

Sonhos...

Estive meditando sobre o que são nossos sonhos, e como podemos buscá-los.

Todos nós, em algum momento da vida, temos que decidir nosso futuro, e lutar por ele. Porém, muitos de nós, entramos em uma luta emocional, tantando descobrir qual nossa vocação, e onde teremos sucesso.

Todas as pessoas gostam de sonhar. O problema reside no fato de que nem todas estão dispostas a pagar o preço para que eles se realizem. Quando deixam de sonhar, essas pessoas simplesmente perdem a inspiração de viver. E tentam correr, sem destino, sem sonhos. Sabendo que não chegarão a lugar algum.

Encontramos vários sonhadores persistentes na Bíblia. No capítulo cinco e versículo cinco do evangelho escrito por João, temos o caso de um deles. Há exatamente trinta e oito anos um homem alimentava o sonho de poder andar.

"-Muito difícil"! - diziam alguns.

"-Impossível"! - garantia a maioria.


Já percebeu que quase ninguém ajuda a dar vida aos seus sonhos, mas quase todas as pessoas procuram matá-lo? José, Naamã, Davi, Mefibosete e tantos outros passaram por isso. Acredito que com você não será diferente.


Aprendemos que a persistência é uma arma poderosa. Foi Jesus mesmo quem disse:
"Pedi, e dar-se-vos-á; buscai, e achareis; batei, e abrir-se-vos-á" (Lucas 11.9). Aquele homem agüentou firme aproximadamente o tempo que Calebe esperou. Agora eu pergunto: "Qual deles se arrependeu de sonhar"? Nenhum!

Também é preciso entender que existe um detalhe que faz toda a diferença:
"E Jesus, VENDO este deitado e SABENDO que estava neste estado havia muito tempo" (João 5.5). Jesus viu! Jesus sabia! Ou seja, o Deus que tudo vê (Provérbios 15.3) e que sabe de tudo (João 21.17) conhece perfeitamente aquilo que você mais deseja.

Outra coisa que podemos observar é a forma que o Senhor Jesus utiliza para realizar o milagre. Aquele homem esperava ser lançado na água (João 5.7), Jesus realizou o milagre mandando-o levantar e levar a sua cama (v.8). É imprescindível entender essa realidade:
o milagre nem sempre acontece da forma que pensamos.

José, Davi, Mefibosete, Calebe, Naamã e o paralítico de Betesda puderam comemorar. Pois não deixaram o seus sonhos morrerem e
Deus, por sua vez, os mateve vivos até que todos eles se realizassem.

Jesus é o maior realizador de sonhos que existe. Basta sonhar os sonhos que ele se agrada e, caso seja útil para nós, certamente ele os realizará. Consigo ver, pelos olhos da fé, os seus sonhos também sendo realizados. O seu cumprimento está bem pertinho, está vindo... logo ali. E lembre-se:"-você nunca será capaz de sonhar acima daquilo que Deus pode realizar em sua vida".

Eu tenho um sonho...e um dia, o viverei plenamente!

Deus abençoe!

1 comentários:

Marciano disse...

Um objetivo com ação é um sonho realizado, um objetivo sem ação é uma ilusão.

Não podemos esquecer que se temos uma comunhão com Deus, devemos fazer a nossa parte também, sempre que a fizermos o que nos cabe, ELE vai nos responder. De nada adianta sonhar, objetivar e esperar de braços cruzados.

Fiquem com Deus!

Postar um comentário